Britânico é eleito o melhor bartender de gin do mundo

Jamie Jones, bartender no Bar Liquorists, Manchester, Reino Unido, foi coroado melhor bartender de gin do mundo no G’Vine Gin Connoisseur 2013, o programa anual  de experts em gin, da casa G’Vine ,em Cognac, França. Jamie recebeu o prêmio na quinta-feira 13 junho, depois de uma semana difícil concorrendo com alguns dos melhores bartenders de destaque com gin do mundo.

Além de ganhar o Gin Connoisseur Program na pontuação geral, Jamie também ficou em primeiro lugar no disputadíssimo desafio “Cocktail & Spirit”, um dos sete que compõem a semana das finais do GCP, muitas vezes referido como um dos mais difíceis e respeitado concursos bartender do mundo. Outros concorrentes notáveis ​​foram Katrin Reitz (La Dee Da Bar, Alemanha), que ganhou o prêmio de Maior Conhecimento, alcançando a maior pontuação nos desafios “Gin & Cocktail Trivia” e  “Blind Grape Spirits Nosing & Tasting”, enquanto Meaghan Dorman (Raines Law Room, New York) ganhou o prêmio de Conhecimento Técnico sendo a maior pontuadora nos desafios “Make Your Own Gin” , “Technical Bartending” e “Presentation”.

Jamie Jones entre Katrin Reitz e Meaghan Dorman | Crédito: Fanpage da marca

“É absolutamente incrível ganhar isto: ainda não caí na real”, disse Jones, imediatamente depois de receber o prêmio do GCP das mãos dos juízes Gary Regan, o “King Cocktail” Dale de Groff, dois gurus mundiais da mixologia, o  vencedor do GCP de 2011 Gegam Kazarian e do  fundador e master distiller de G’Vine, Jean-Sébastien Robicquet.

O G’Vine Connoiseur Program (GCP) 2013 atraiu centenas de inscrições de dezenas de países em todo o mundo, e este ano contou com representantes de quase todos os continentes: América do Norte, África, Europa e Ásia-Pacífico. Os finalistas foram:

  • Francesc Cairo Garcia (The House, Barcelona)
  • Camorra Gorge (Cloud9, Melbourne)
  • Hannah Lanfear (Boisdale, Londres)
  • Kellie Thorn (Empire State, Atlanta)
  • Mike Tomasic (The Wild Rover, Sydney)
  • Cari Hah (Cole, Los Angeles)
  • Mari Nakano (O Hotel Peninsula, Tokyo)
  • Denzel Heath (Soho Salão Molecular, Port Elizabeth)
  • Antonio Lai (Quinário, Hong Kong)
  • Mathieu Le Feuvrier (43 Cocktail Bar, Paris)
  • Mohammed Irwan Majid (Corte por Wolfgang Puck, Singapura)
  • Ivan Villegas (O’Clock Bar, Madrid)

Novas regras do CGP

Em um movimento que surpreendeu a muitos, o GCP passou a ser um concurso apenas para convidados em 2013. O organizador e juiz Philip Duff  explicou que “O GCP, assim como sua patrocinadora marca G’Vine, é tradicionalmente não-convencional. Isso significa um esforço contínuo para inovar, mantendo a mais alta qualidade. Há muitos concursos de bartenders agora, cujo sucesso é apenas julgado por quantos bartenders se inscrevem. Apesar do fato de 500 bartenders de todo o mundo se inscreverem para o GCP a cada ano, esse programa nunca foi sobre números. Assim que começamos em 2013, decidimos escolher os finalistas mundiais através de um processo de “manual”, escolhendo uma dúzia ou mais de bartenders para competir em cada país. Os bartenders podem se cadastrar para serem convidados a competir e o GCP ainda mantém uma entrada de curinga para qualquer bartender de em qualquer lugar do mundo, independentemente de G’Vine ser ou não vendido em seu país. Isto permitiu-nos não só para manter, mas para aumentar ainda mais  a reputação do GCP como a competição mais difícil e mais confiável no mundo dos cocktails”.

Mulherada manja tudo de gin

O GCP 2013 também criou um buzz no mundo da mixologia, ao revelar que 6 dos 15 finalistas mundiais eram mulheres, o que foi considerado o maior percentual de finalistas do sexo feminino em qualquer  concurso de bartending. De fato, seis dos sete desafios  da Semana Final também foram vencidos por finalistas mulheres.

Escolha do embaixador da marca

O tema para o GCP 2013 foi “L’Edition Ambassadeur “, com desafios projetados para recompensar o barman que poderia também entender as qualidades necessárias para ser um bom embaixador da marca para G’Vine. O campeão Jamie Jones agora vai receber de Philip Duff (vencedor na categoria “World’s Best Presenter“, prêmio do prestigidado Cocktail Spirited Awards 2012 do Tales of the Cocktail) treinamento pessoal de embaixador que envolve teécnicais profissionais de apresentação, gestão de tempo  e workshop de negociação, no Reino Unido. Também vai co-apresentar seminários com Duff em ambos Tales of the Cocktail em New Orleans (julho) e Bar Convent Berlin (em outubro).

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.
%d blogueiros gostam disto: